Livros, Filmes e Nerdices aleatórias

Arquivo da tag: L. Frank Baum

O Maravilhoso Mágico de OZ - Capa

Em abril a Panini Books famosa por lançar HQs de Super Heróis inovou publicando “O Maravilhoso Mágico de OZ” com roteiro de Eric Shanower e a belíssima arte de Skottie Young.

Desde 1900, ano do seu lançamento, a obra de L. Frank Baum está intimamente ligada a cultura norte-americana, sendo o primeiro conto de fadas produzido no país que mesmo sem utilizar elementos do folclore inglês como os elfos e fadas, conquistou grande visibilidade e sucesso entre o público americano, rendendo muitas adaptações para o teatro, cinema e posteriormente, histórias em quadrinhos.

Devido a todas essas releituras vários detalhes da obra original acabaram se perdendo, ou não sendo conhecidos pela grande maioria das pessoas. Buscando resgatar as verdadeiras raízes da aventura da pequena Dorothy na terra do Mágico de OZ, o roteirista Eric Shanower, um fã assumido da obra de Baum, procurou se inspirar, sendo o mais fiel possível a história que deu inicio a tudo.

Na história, a pequena Dorothy vive com seus tios em uma fazenda no Kansas. A vida transcorria calma, até que um tornado atinge a região e antes que pudesse se proteger entrando no porão da propriedade, acaba sendo levada para longe, junto com seu cãozinho Totó, até a Terra de Oz.

A garota não demora a perceber que a região é incomum e que para retornar para casa precisará passar por grandes aventuras. A jornada em busca do poderoso mágico de Oz, único ser capaz de levá-la de volta para seus tios é repleta de imprevistos. Dorothy encontra o Espantalho, o Homem de Lata e até o Leão Covarde, amigos que a acompanharão até a menina encontrar o caminho de casa.

O Maravilhoso Mágico de OZ - Quadrinho

Apesar de não conhecer absolutamente nada sobre a história de Oz antes de ter acesso a esse encadernado, não demorei a ser conquistada pela jornada de Dorothy. Sem conhecer as outras versões da obra não sei até que ponto o roteirista conseguiu êxito no seu propósito de manter a obra o mais original possível a história que rendeu ao longo do tempo tantas adaptações, nem se essas modificações irão desagradar a quem foi fortemente influenciado por outras versões da história, só posso afirmar que criamos uma empatia quase imediata com os personagens que gradativamente vão surgindo e apesar de um roteiro bem simples e até infantil, a história pode perfeitamente agradar aos públicos de todas as idades.

A história progride de maneira bem suave, conseguindo desenvolver os personagens e criar um forte laço entre eles. Aos poucos vemos que as peculiaridades de cada personagem irá contribuir de maneira decisiva para o sucesso da jornada e não deixamos de torcer por eles um minuto sequer.

Os traços de Skottie Young possuem muita personalidade. No material extra contido no encadernado podemos ver o processo criativo aos quais os personagens passaram sendo o maior desafio para o desenhista encontrar sua própria percepção da história diante a tantas versões dos personagens. O resultado final juntamente com as cores de Jean-François Beaulieu é realmente fantástico!

Vencedora do prêmio Eisner! de melhor série limitada e melhor publicação para crianças, “O Maravilhoso Mágico de OZ” é super recomendado para os fãs ou não, da clássica obra de L. Frank Baum, feito “para encantar as crianças de hoje- sejam essas crianças realmente jovens ou simplesmente jovens de coração”.

O Maravilhoso Mágico de OZ - Capa edição 2Capa da 2º Edição 

O encadernado custa aproximadamente R$ 54,00 sendo encontrado nas livrarias físicas ou clicando aqui.